Polícia Civil prende assassinos de idosa de Ouro Preto do Oeste, RO

Publicada em


 

A Polícia Civil, por intermédio da Delegacia de Ouro Preto do Oeste/RO, cumpriu, na manhã desta sexta-feira (22) três mandados de prisão preventiva contra suspeitos de serem os mandantes e executor da fazendeira Ana de Almeida (74 anos), pioneira na Linha 80 do município.

 

Ana de Almeida foi morta com quatro tiros no rosto e seu caseiro recebeu um tiro na mandíbula, cuja bala está alojada na coluna, mas sobreviveu a tentativa de homicídio.

 

As investigações apontaram que a herdeira R. C. S. (30 anos) e seu companheiro J. G. de M. (60 anos) contrataram a pessoa de Y. R. Z. M. (22 anos) para executar a idosa, oferecendo-lhe como recompensa uma casa na cidade.

 

Um dos motivos alegado pela mandante é que Ana de Almeida estaria atrasando o andamento de um inventário, que já se arrastava por quase oito anos na justiça.

“Foi um trabalho muito difícil para Polícia Civil, pois se trata de crime de pistolagem e que envolvia muita gente. Graças a confiança da população nos nossos investigadores, as informações que recebemos nos auxiliaram a concluir esse quebra-cabeça”, pontuou o delegado titular Niki Alves Locatelli.

 

 

Fonte: Polícia Civil/RO