Menina de 13 anos conta à mãe que foi estuprada por pastor sob ameaça em Jaru, RO

Publicada em


Suspeito já era acusado de estuprar outra menina, também de 13 anos.

Foto:Portalp1

 

A mãe de uma adolescente de 13 anos registrou um boletim de ocorrência na Unisp nessa segunda-feira (26) depois de a filha ter contado que foi estuprada por um pastor da igreja “Tenda do Milagre”, em Jaru.

A menina frequentava a igreja onde o pastor pregava, e algumas vezes passava a noite na casa dele, pois ele tem duas filhas crianças e a chamava para fazer companhia a elas. E era nessas ocasiões que ela era estuprada.

Segundo a adolescente, durante a noite, depois que as filhas do pastor já estavam dormindo, ele a chamava para a cama e sempre fazia ameaças dizendo que se ela não fizesse sexo com ele, o “chefão” iria sequestrar a irmã e a mãe dela. A vítima disse ainda que foi abusada 3 vezes em dias diferentes.

A filha só revelou o caso para a mãe depois que viu uma notícia na internet sobre uma acusação de estupro contra o pastor, que é suspeito de ter vitimado outra menina, que também tem 13 anos.

A mãe declarou que deixava a filha dormir na casa do pastor porque ele tinha duas filhas e porque nunca percebeu nenhuma mudança no comportamento da filha.

 

Jornal Eletrônico PortalP1