Homem é alvejado após fazer mulher e filho reféns, no hospital de Jaru

Publicada em


Dois policiais tentaram negociar com o homem que usava a família como escudo. Em dado momento, foi alvejado com ao menos dois tiros.

Policiais Militares fizeram o isolamento da área, a fim de preservar evidências.
Foto: PortalP1

 

Na noite desta quarta-feira, dia 15 de janeiro, um homem foi alvejado ao menos duas vezes a tiros, depois de ter ameaçado esposa, filho e dois policiais militares com uma arma de fogo.

Os dois policiais foram até a unidade de saúde, a fim de atender solicitação. Segundo o que foi apurado pelo Jornal Eletrônico PortalP1, com a chegada da guarnição o homem teria sacado a arma de fogo e feito esposa e filho reféns. Mesmo com a tentativa de negociação, o homem não cedeu e passou a apontar a arma para os policiais, momento em que houve luta corporal e o homem foi alvejado com dois tiros.

As informações são de que o suspeito foi socorrido, em seguida transferido para o município de Ji-Paraná, RO.

 

*Matéria atualizada as 04h12 – 16-01-2020

 

Jornal Eletrônico PortalP1

Policial Militar guarnecendo a recepção do hospital.
Foto: PortalP1

Jornal Eletrônico PortalP1