Porta dos Fundos posta vídeo dizendo que Rondônia não é Brasil

Publicada em


No vídeo, humoristas dão a entender, que Estado não pertence a nação.

 

Ator que fez o papel do suposto prefeito de Vilhena.
Do Canal do Grupo na Intenet

Os atores do Porta dos Fundos – canal no Youtube – que têm mais de 16 milhões de inscritos, fizeram um vídeo retratando a atual situação em que o Rio de Janeiro, segundo a opinião do canal, vem sendo administrado pelo atual prefeito.

Misturando notícias reais com informações fictícias, o elenco que tem atores renomados e é considerado um dos melhores da atualidade, gosta de “lacrar” com publicações polêmicas.

O que dizer do filme sobre Jesus Cristo, considerado por milhares de pessoas, ultrajante e ofensivo ao extremo a cristandade? Mesmo assim, o elenco segue divulgando vídeos cheios de humor crítico, com teor pesadíssimo, diga-se de passagem.

O elenco do Porta dos Fundos é formado por Fábio Porchat, Gregório Duvivier, João Vicente de Castro, Antônio Tabet, Thati Lopes, Rafael Portugal, Evelyn Castro, Noêmia Oliveira, Estevan Nabote e Pedro Benevides, segundo o portal do grupo, na internet.

Making of das gravações.
Do Grupo Porta Nos Fundos

O mais recente vídeo, dá conta do suposto prefeito do Rio de Janeiro, na Região Sudeste do Brasil. No vídeo, os humoristas lacram que o atual prefeito não tem compromisso com a cidade e seus munícipes e é um profundo desconhecedor de fatos importantíssimos, que acontecem periodicamente na cidade maravilhosa.

Depois de uma repórter entrevistar Ao Vivo o tal prefeito do Rio de Janeiro, que a todo tempo “literalmente tira onda com a jornalista”, que debaixo de uma tempestade, do tipo das que assolou todo o estado, especialmente a capital, tenta arrancar informações do administrador que estaria supostamente numa viagem a trabalho nos Estados Unidos da América (EUA), ele supostamente teria deixado o celular transmitindo a videoconferência com a TV e pensando ter encerrado a entrevista, fala com outro prefeito a passeio na cidade de Orlando (EUA), sendo o colega da cidade de Vilhena em Rondônia.

O problema é que quando o suposto prefeito de Vilhena se identifica, o suposto prefeito do Rio de Janeiro tira uma onda. Isto é Brasil rapá? E o suposto prefeito de Vilhena diz: ah, mais ou menos né”, encerra rindo.

 

É claro que o vídeo viralizou. Veja até o final, direto do canal do Grupo, no Youtube.

 

 

 

Jornal Eletrônico Portal P1