O Rodoshoping de Pimenta Bueno está se tornando atração e ponto de encontro

Publicada em


Há muita movimentação no local, especialmente em restaurantes e lojas. Os taxistas são os únicos que não ficaram contentes como os demais.

Novo Terminal Rodoviário de Pimenta Bueno

O novo terminal Rodoviário de Pimenta Bueno, inaugurado no segundo semestre de 2017, possui ampla praça comercial, com cerca de 30 lojas, praça de alimentação, com restaurantes requintados, que promovem diversos shows, plataformas de embarque que oferecem segurança, comodidade, conforto e qualidade na prestação de serviços, além de um setor de check-in ao estilo de aeroportos, conforme informação do responsável pela empresa Guaporé Administradora, Nilton Locatelli.

“Foram investidos cerca de R$ 2 milhões, da iniciativa privada, no novo terminal que, ainda está passando por pequenas obras. Temos 20 anos para administrar através de direito de uma concessão pública e vamos fazer com todos esses anos se tornem referencial para aqueles que passarem pela Rodoshoping”, disse Locatelli.

Nilton Locatelli da empresa Guaporé Administradora (Fotos: Nelson Salim Salles)

No início do ano, durante entrevista ao jornalista Roberto Gutierres, os empresários Ivan Capra e Nilton Locatelli, da Guaporé Administradora, afirmaram que apostaram neste empreendimento devido a possibilidade de ‘ele’ – o projeto Rodoshoping – se tornar um exemplo a ser seguido por outros municípios. “As rodoviárias precisam sair desse modelo antigo de um simples lugar para chegada e saída de passageiros, para se tornar um ambiente seguro, agradável e com múltiplas opções”, comentou Nilton Locatelli.

No entorno do Rondoshoping, há quem está muito feliz com a nova paisagem, o novo cartão postal do bairro mais famoso da cidade, Jardim das Oliveiras, vilipendiado por comentários preconceituosos durante anos, por causa de ocorrênciasmúltiplas, registradas.

Dona Maria da Silva é dona de um restaurante já fazem dez anos (Fotos: Nelson Salim Salles)

Dona Maria da Silva, que há uma década tem um restaurante que, serve comida Self Service, ao lado da rodoviária, é uma dessas pessoas felizes. A empresária disse que só melhorou o seu movimento, principalmente à noite. “Agora a gente pode notar uma melhoria na movimentação durante a noite e ficou mais bonita, mais charmosa”, diz.

O mototaxista Amilton Luiz disse que melhorou muito a estética, movimentação de pessoas consumindo nos estabelecimentos, dentro e fora da rodoviária e a segurança estabelecida no terminal. “Além de ter ficado muito bonito e melhorado a nossa qualidade de vida, as pessoas que costumavam consumir bebidas alcoólicas e perturbavam aqui, agora não podem mais permanecer no local incomodando. Isso já é de grande valia”, exclamou.

Mototaxista Amilton Luiz esta muito feliz (Fotos: Nelson Salim Salles)

O proprietário de uma farmácia que fica na esquina de uma das laterais do Rondoshoping, empresário Anderson Camiloto, se disse extremamente feliz com a nova paisagem, modernidade, oportunidade, conforto e qualidade de vida oferecidas à todos que frequentam o lugar. “Agora podemos dizer que oferecemos um local amplo, moderno e que orgulha nossa cidade, no que diz respeito rodoviária. Temos bem mais do que isto agora. Antes a gente não tinha nem vontade de ir ali, mas agora é gostoso ficar lá, num ambiente agradável”, informou.

Anderson Camiloto disse que tudo melhorou (Fotos: Nelson Salim Salles)

Já os taxistas não estão felizes com algumas mudanças, que conforme afirmaram, não ajudaram em nada, mas pelo contrário, tem atrapalhado os choferes. “Estamos sem acesso direto aos passageiros. Eles muitas vezes, ou pelo menos na maioria delas, ficam perdidos buscando por um taxi, pois, nós estamos num local que, consideramos improprio”, exclamou um dos motoristas.

Ponto de Taxi na Rodoviária nova

Em nova conversa com Locatelli, este nos informou que, houve uma mudança do projeto original a pedido dos próprios taxistas, por causa do sol que seria castigador na lateral posterior, a que eles ocupam atualmente. “Tudo foi decidido com aval dos taxistas, prefeito da época, que era o Jean Mendonça, vereadores da época, o engenheiro da prefeitura e ainda, o Ministério Público. O que nós estamos oferecendo a eles, esta dentro da lei,” completou.

Ainda segundo o administrador, há placa de sinalização e um amplo corredor que leva ao ponto devidamente sinalizando os veículos de taxi, conforme lei vigente.

Placas que sinalizam, conforme informações de Nilton Locatelli (Fotos: Nelson Salim Salles)

“Assediar passageiros dentro do terminal rodoviário é proibido para qualquer empresa e também os taxistas. Ninguém pode ficar oferecendo seus serviços verbalmente, ou pressionando passageiros, o que é pior. Todos têm placas de sinalização e informativas e os mesmos direitos”, informou Locatelli.